29 de ago de 2013

Divulgação e decisão...

Oi gente ='( 
Passando só pra  divulgar a fic da minha amiga Bia e pra dizer que se nos próximos dois capítulos que eu postar ñ tiver comentárioS vou encerrar o blog...a escolha é de vocês. até mais!
sigam e comentem:http://thesame-mistakes.blogspot.com.br/
Vcs vão amar a fic...

27 de ago de 2013

Capítulo 17

No dia seguinte Vanessa acordou cedo e com uma estranha sensação. Ela foi até o quarto da amiga e viu que ela dormia profundamente abraçada por Scott. Então ela resolveu dar uma volta pelo parque onde viu o namorado pela segunda vez. Enquanto caminhava, lembranças do segundo “encontro” com Zac vieram-lhe na mente. Ela sorria ao se lembrar de tudo. Mas algo dentro dela a deixava triste e com uma dor no coração. Ela não sabia o que era, mas temia algo ruim. Depois de alguns minutos, ela resolveu fazer uma surpresa para Zac. Foi até uma padaria e lhe preparou uma cesta de café da manhã. Em seguida, foi direto para a casa dele. Chegando lá, seus olhos se encheram de lágrimas e seu coração por segundos pareceu parar de bater. Vanessa largou a cesta no chão e correu para dentro da casa. A porta estava escancarada, os móveis todos de pernas pro ar.
Van: ai meus Deus... O Zac... ZAC!!!- gritou.
Sem ouvir nada, Vanessa subiu a escada e entrou no quarto de Zac. Viu fotos, dos dois, rasgadas e sangue no chão. Nenhum sinal de Zac. Ao ver o sangue Vanessa se desesperou.
Van: meu Deus... Não pode ter acontecido nada com o Zac! Eu... O Zac não... – ela caiu no chão chorando descontroladamente.
Sem pensar duas vezes ela pegou o celular e tentou ligar para Zac. Sem resultado, ligou para Ashley.

#Ligação
Van: Ashley- chorando- vem aqui na casa do Zac com o Scott, por favor.
Ash: Vane, o que houve?
Van: vem logo Ash!- desligou.

Vanessa procurou pistas do que poderia ter acontecido, mas não encontrou nada. De repente ela ouviu Ashley gritando seu nome e desceu correndo.
Van: Ashley...
Caiu nos braços da amiga chorando.
Ash: o que houve amiga?!
Van: a porta... Sangue... O Zac!!!- chorando e não conseguindo falar.
Ash: calma amiga. Scott prepara água com açúcar pra Vane.
Scott: ok. – ele foi pra cozinha e logo voltou.
Vanessa pegou o copo com as mãos trêmulas e bebeu a água. Depois eles se sentaram no sofá.
Ash: agora me explica. Por que tá tudo de pernas pro ar e o que houve com o Zac?
Ainda chorando, Vanessa começou a falar.
Van: eu acordei cedo e fui dar uma volta pelo parque, depois resolvi vir aqui. Quando cheguei, a porta estava escancarada e tudo revirado. Subi correndo e no quarto do Zac tinha fotos nossas rasgadas e sangue. Muito sangue. E o Zac não está lá amiga. O Zac sumiu.
Vanessa desabou a chorar compulsivamente. A dor de imaginar o pior lhe consumia e ela só sabia pensar onde Zac estaria. Depois de procurarem vestígios pela casa, sem resultado, eles foram até a policia e logo todos estavam atrás de Zac, que supostamente havia sido sequestrado.
Um mês se passou... Nada de Zac. Nenhum sinal se quer. Vanessa estava um caco. Não comia, não dormia, não conversava com ninguém e só ficava trancada no quarto de Zac. Ela não aguentava mais tanta dor. Ficar sem notícias de Zac era perturbador. Não sabia se ele estava vivo ou morto. Se ele estava bem ou mal. E isso estava a consumindo por dentro. Vanessa entrou em uma forte depressão e só sabia chorar e chorar. Eram exatas cinco da manhã e ela estava sentada no chão do quarto do namorado olhando para uma foto deles.
Van: amor... Onde você tá?! Volta pra mim... Agora sou eu que te peço... Volta pra mim... Eu não vou aguentar mais por muito tempo. É angustiante ficar sem noticias suas, é angustiante não poder ver você, falar com você. Será que você tá bem?! O que será que te aconteceu?! Quem será que fez isso com você?! Estava tudo tão bem. A gente tava tão feliz. Por favor, me dê uma pista de onde você possa estar. Eu preciso de você aqui comigo. Eu te amo. Volta Zac! Volta baby boo!
Vanessa acabou pegando no sono por algum tempo. Durante o sono ela teve um sonho. Sonhou com Zac amarrado,com a cabeça enfaixada,todo machucado. Ele estava pálido e fraco. Tentava se soltar das cordas, mas não conseguia devido a pouca força que tinha. Em sua boca havia um pano, que o impedia de falar. Zac se debatia até que desmaiou.
Van: ZAC!
Vanessa acordou sobressalta. Viu que havia dormido por apenas uma hora e meia. Ela estava chorando, seu coração estava doendo, era como se o sonho fosse real. Ele estava em um quarto escuro, abandonado, ela se lembrara. Depois disso, Vanessa não conseguiu mais dormir. Levantou-se e foi assistir TV pra ver se ocupava os pensamentos com alguma coisa, mas não deu certo. Ela só conseguia pensar em Zac. Uma hora depois, Ashley apareceu na sala.
Ash: bom dia Nessa!- com cara de sono.
Van: péssimo dia Ash!
Ash: não conseguiu dormir né?-sentando ao lado da amiga.
Van: não. Dormi cinco horas e acordei seis e meia. Não tô aguentando mais, amiga. Eu sonhei com o Zac e eu sei, eu senti que ele precisa de mim.
Ash: sinto muito amiga... – abraçou Vanessa.
Vanessa deixou lágrimas caírem e contou a Ashley o sonho que teve. Ela e Ashley estavam morando por uns tempos na casa de Zac e Scott.
Eram nove horas, Vanessa, Ashley e Scott estava na sala assistindo TV, quando Vanessa recebeu uma mensagem no celular.
Ash: Vane, seu celular...
Van: claro. – sem ânimo, pegou o celular e quando leu a mensagem ficou branca.
Ash: que foi amiga? Parece que viu um fantasma! De quem é a mensagem?- pegou o celular da mão dela.
Ash: “Oi Vanessinha, pensou que estava livre de mim é?! Eu disse que você iria pagar caro pelo que me fez e eu cumpri minha palavra. Tá sofrendo sem o Efron não é?! Pois é, ele também tá. Coitadinho, não sei se ele aguentará por muito tempo. O garanhão Zac Efron que se achava forte e tudo mais, não consegue nem mexer um dedo. Os dias dele estão contados e você não perde por esperar. Tchauzinho sua vadia. Ass.: JH” quem é JH?

Van: é ele Ash...

E aí?! Tenso o capítulo né?! O próximo já tá pronto e ele promete viu?! Mas para postá-lo preciso de pessoas comentando... Divulguem minhas fics pessoal, quero mais leitoras. E obrigada a todas que comentam... Amo vocês...

23 de ago de 2013

Capítulo 16

Três anos se passaram. Todos estavam terminando a faculdade.  Zac e Vanessa estavam na fase in love. Ashley e Scott também.
Zac: o que vamos fazer nas férias de verão?
Van: não sei. Pensei que podíamos ir para o Caribe. O que acha?
Zac: acho ótimo. Podíamos chamar a Ash e o Scott também né?
Van: claro... Mas e nossos trabalhos?
Zac: eu vou pedir férias e você?
Van: eu também.
Zac: resolvido. Agra é só ligar para um hotel de lá, reservar nosso quartos, comprar as passagens, arrumar as malas e esperar as férias. Daqui uma semana já estaremos no Caribe.
Van: ai que sonho! Não aguento mais estudar. - disse deitando a cabeça no colo de Zac.
Zac: então somos dois. Rsrs.
Zac e Vanessa estavam no quarto dele namorando.
Zac: Nessa?
Van: sim. – olhou pra ele.
Zac: er... Você já pensou em ter filhos?
Vanessa se assustou com a pergunta. Afinal, durante os anos de namoro, eles nunca chegaram a conversar sobre o assunto.
Van: bom eu... Eu quero sim ter filhos... Mas... Acho que está cedo. Sabe. Somos jovens e eu quero construir minha carreira ainda. Quero ter uma vida feita e...
Vanessa estava ficando nervosa, pois não sabia mais o dizer.
Zac: calma, amor. Tá tudo bem. Eu só queria saber. Não precisar ficar nervosa. - abraçou-a.
Van: eu sei é que... Nós nunca falamos disso e... Você me pegou desprevenida.
Zac: me desculpa. Eu só queria saber se há a possibilidade de termos um filho no futuro e...
Van: claro que sim, amor. - interrompendo ele - formar uma família com você é tudo o que eu mais quero na vida. - sorriu.
Zac sorriu com a resposta e abraçou mais ainda Vanessa.
Zac: eu te amo Nessa.
Van: também te amo, olhos azuis.
Eles se olharam profundamente e aproximaram seus rostos. Sentiam a respiração acelerada, os batimentos rápidos e descompassados de seus corações. Era sempre assim quando iam se beijar e foi o que aconteceu. Ambos colaram os lábios num beijo apaixonado e gostoso. Zac deitou Vanessa na cama e se deitou em cima dela. Em seguida, desceu os beijos para o pescoço dela e foi levantando a camiseta que ela usava. Os beijos continuaram e logo ambos estavam despidos. Com muito amor, calma e ao mesmo tempo desejo e fogo ambos se uniram num só corpo. Algum tempo depois, eles se encontravam deitados agarrados um ao outro. Estavam cobertos apenas por um lençol. Zac acariciava as costas de Vanessa enquanto ela fazia linhas imaginárias em seu peitoral.
Zac: o que acha de tomarmos um banho e depois passar o resto do dia curtindo a preguiça?
Van: me parece uma ótima ideia. – disse sorrindo.

Zac se levantou da cama e pegou a namorada no colo. Logo os dois estavam debaixo do chuveiro entre carícias, beijos e muitos mimos. 

22 de ago de 2013

Divulgação

Amores da minha vida, prometo que em breve postarei... Eu estou escrevendo os capítulos, mas para isso preciso que comentem...
Sigam o blog  http://zanessalovestories.blogspot.com.br/ e comentem bastante hein?!
Beijinhos de morango com chocolate...huuum =D

12 de ago de 2013

Divulgação

Oi meus amores, passando para divulgar mais um blog para vocês seguirem: 
http://zanessa-zacenessa.blogspot.com.br/
É uma fic perfeita, espero que gostem e comentem...bjos
Capítulo novo aqui em breve...


11 de ago de 2013

Capítulo 15

Zac: eu te amo minha pequena. - sussurrou no ouvido dela.
Van: eu também amo você meu amor.
Eles se olharam e quando iam se beijar novamente, alguém entra no quarto.
Xxx: desculpa interromper, mas vim avaliar como você está Vanessa.
Van: claro doutor. Eu estou ótima. Nem parece que fiz uma cirurgia.
Méd.: realmente. Isso que aconteceu foi algo inexplicável.
Van: rsrs. Pois é... Mas tem uma explicação pra isso.
Méd.: e qual é?
Van: o amor.
Méd.: realmente essa é a única explicação. Senhor Efron, graças a você que a Vanessa voltou a viver.
Zac sorriu meio sem graça.
Zac: bom... Ainda bem que a Vany voltou, porque não posso viver sem ela. - timidamente.
Vanessa sorriu para Zac e lhe deu um beijo da bochecha.
Méd.: bom, vejo que está tudo bem com você, Vanessa. Mas hoje você terá de realizar alguns exames para ver como anda sua leucemia, até porque seu organismo rejeitou a nova medula.
Van: ok. - disse triste.
Méd.: bom, vou deixar vocês a sós. Daqui uma hora uma enfermeira vem trazer seu almoço.
O médico saiu, deixando Zac e Vanessa sozinhos.
Zac: Nessa, você ficou triste com o que o médico disse né?
Van: sim Zac. Não quero passar por tudo isso de novo. - disse com grande tristeza nos olhos.
Zac: Nessa... Não fica assim... Talvez esteja tudo bem. E seja qual for o resultado eu vou estar ao seu lado.
Zac olhou no fundo dos olhos de Vanessa e acariciou seu rosto com muito carinho. Quando ele se aproximou dela para beijá-la, alguém novamente entrou no quarto.
Xxx: ups... Desculpa maninha!
Van: tudo bem Tellinha. - disse corada.
Zac também corou e ficou mais sem graça ainda quando viu que seus sogros estavam no quarto e logo atrás estavam Ashley e Scott. Logo ele se afastou de Vanessa dando espaço para os pais dela se aproximarem.
Ash: Zac, por que você não vai comer alguma coisa? Você tá com o estômago vazio desde ontem.
Zac: tudo bem. Eu vou ali na lanchonete. O médico disse que daqui uma hora uma enfermeira trará o almoço da Vanessa.
Zac saiu e foi até a lanchonete e comeu algo. Depois voltou para o quarto de Vanessa. O dia se passou e já estava no fim da tarde. Vanessa já havia realizado os exames e só aguardava o médico para saber o resultado.
Xxx: com licença. - pediu entrando no quarto.
Van: e então doutor, já tem o resultado?- perguntou aflita.
Méd.: sim. Tenho ótimas notícias.
Gina: mesmo doutor?
Méd.: sim. Senhor Efron seu amor pela Vanessa a salvou duas vezes.
Zac: hãn?!
Méd.: primeiro por ter feito com que ela voltasse à vida e com isso, também fez com que ela se curasse da leucemia.
Gina/Greg/Ash/Zac: o que?
Méd.: é algo inexplicável. Mesmo com a rejeição do organismo da Vanessa com a medula, ela se curou. A Vanessa não tem mais leucemia. E não devido à medicina e sim devido ao forte amor que esse rapaz sente por ela. - se referindo a Zac.
Vanessa estava com os olhos transbordando de lágrimas. Não conseguia acreditar no que o médico tinha lhe dito. Ela abriu o mais lindo sorriso, demonstrando toda sua alegria.
Van: Zac... - ela o chamou.
Zac estava em um canto do quarto e ao ouvir seu nome ser chamado pela voz mais doce que ele conhecia, sorriu. Ele se aproximou de Vanessa e lhe acariciou o rosto.
Van: obrigada por ter salvado minha vida por duas vezes. Obrigada por ser tão maravilhoso comigo. Obrigada por ser o amor da minha vida. Eu te amo, olhos azuis. - disse acariciando os cabelos dele enquanto chorava de emoção.
Zac: não precisa agradecer, você sabe que faço tudo por você, e que se fosse preciso eu daria minha vida por você e eu também te amo muito minha pequena borboleta.

Eles sorriram. Vanessa se aproximou mais de Zac em busca de seus lábios. Ambos roçaram seus narizes um no outro e enfim se beijaram. O beijo aconteceu de forma carinhosa. Ambos se esqueceram que havia mais pessoas nos quarto. Para Vanessa e Zac eram apenas eles ali. Ao fim do beijo, eles sorriram um para o outro e deram um selinho e logo ouviram palmas. Olharam em volta e viram que todos no quarto choravam de emoção e sorriam de felicidade. 

1 de ago de 2013

Capítulo 14

Segundos depois algo inacreditável aconteceu... Zac sentiu os batimentos de Vanessa voltar e ela logo abriu os olhos, como se acordasse de um pesadelo.
Van: Zac- sussurrou.
Zac: Nessa? Amor? Você voltou! Ai meu Deus, não acredito nisso.
Zac abriu um enorme sorriso e abraçou Vanessa com muito amor, com muita saudade.
Van: Zac... Eu te amo. - chorando e apertando os braços em volta do pescoço de Zac.
Zac: também amo você, minha borboleta.
Zac rodeou o rosto da namorada com as mãos e encheu o mesmo de muitos beijos. Vanessa apenas ria da felicidade do namorado. Gina, Greg, Stella, Ashley, Scott e o médico estavam petrificados no lugar. Não conseguiam acreditar que o amor de Zac tinha salvado Vanessa da morte.
Ash: Scott, a minha Vany voltou. Ai meu Deus!
Ashley começou a rir e correu para abraçar a amiga que ainda estava recebendo beijos de Zac.
Ash: minha vez, Zac.
Ashley afastou Zac de Vanessa e ele começou a resmungar.
Ash: amiga! Nem acredito que você voltou. - abraçou Vanessa com força.
Van: ai Ash. Eu te amo amiga!- continuava chorando de alegria.
Ash: eu também amo você amore. Muito, muito.
Ashley deu um último abraço em Vanessa e um beijo em sua testa e afastou. Scott se aproximou e também abraçou Vanessa.
Scott: deu um susto na gente hein baixinha?
Vanessa sorriu e o abraçou também. Depois Stella pulou na cama abraçando a irmã e Greg e Gina abraçou as filhas. Todos já choravam.
Gina: minha filha, você quase nos matou do coração.
Van: desculpa mãe.
Greg: princesa, ainda bem que você voltou.
Stella: maninha apesar de você ser super chata, você sabe que eu te amo né?
Van: sei sim sua chatinha, e eu também te amo.
Todos riram da cena. Estavam muito felizes até que Vanessa olha no quarto e não encontra Zac.
Van: cadê o Zac?
Ash: ele saiu. Disse que ia pegar uma coisa que deixou na recepção.
Gina: já imagino o que seja. – sorriu.
Minutos depois, Zac entra no quarto com um enorme sorriso e com algo escondido atrás.
Gina: acho melhor deixar eles um pouco a sós.
Todos saíram do quarto. Zac se aproximou de Vanessa e retirou o buquê de trás das costas.
Zac: pra você, amor. - a entregou.
Van: Zac são lindas. Eu amo essas flores.
Zac sorriu.
Zac: eu as trouxe para você, mas aí sua mãe me disse que... - abaixou a cabeça.
Van: amor, você me salvou. Eu não estaria aqui se você não tivesse me pedido. Foi algo estranho, era como se eu estivesse distante, mas eu te ouvia. Ouvi tudo o que você disse. - acariciou o rosto dele - eu nunca imaginei que significava tanto assim pra você.
Zac: você é minha vida. Quando me disseram q você estava morta eu perdi meu chão. Foi como se alguém tivesse arrancado o meu coração. Eu não sei mais o que seria de mim sem você, Nessa. Você se tornou meu mundo e minha vida não tem graça se você não estiver nela.
Vanessa estava emocionada com as palavras de Zac e tudo o que fez foi beijá-lo intensamente. Após o beijo eles ficaram abraçados, apenas curtindo o momento.
Zac: eu te amo minha pequena. - sussurrou no ouvido dela.
Van: eu também amo você meu amor.

Eles se olharam e quando foram se beijar novamente, alguém entrou no quarto. 

Quem será que entrou no quarto hein?! E aí meus amores, o que vocês acharam do capítulo?! Acharam que eu ia deixar a Vany morta é?! rsrs... Espero que tenham gostado...Comentem,comentem,por favorzinho!!!